Modelo de carta de apresentação primeiro emprego

Exemplo de carta de apresentação para pessoas sem experiência grátis em Word

Está procurando seu primeiro emprego e não sabe como fazer uma carta de apresentação sem ter experiência profissional?

Sabemos que obter a primeira experiência profissional não é uma tarefa fácil, mas se você pensar bem, todos passamos por essa situação. Por isso, essa não deve se transformar em uma missão impossível.

Hoje em dia, muitos jovens se encontram nesta situação e não sabem como encarar a busca por emprego para realmente conseguir sua primeira oportunidade de trabalho. Quando se tem pouca experiência profissional para incluir no Currículo, elaborar uma boa carta de apresentação é essencial.

Graças a este modelo de carta de apresentação para primeiro emprego, você poderá escrever uma carta bem estruturada e clara, que destaque cada um dos pontos mencionados acima. Sempre existem oportunidades para os positivos e lutadores!

[Seu nome e sobrenome]
[Seu endereço]
[Seu telefone]
[Seu e-mail]

[Nome da empresa]
[Nome e sobrenome da pessoa a quem a carta é dirigida]
[Endereço da empresa]

[Sua cidade], [Data]


Assunto: Candidatura ao cargo de [Nome da vaga à qual está se candidatando]


Prezado(a) [Nome e Sobrenome da pessoa a quem a carta é dirigida],

Acabei de concluir meus estudos em [Nome da Pós-Graduação ou Mestrado] na Universidade [Nome da Universidade ou Escola]. Atualmente, estou em busca de uma primeira experiência profissional que me permita aplicar e adquirir conhecimentos na área de [Sua área de interesse].

Como tenho a ambição de, um dia, chegar a ser [Cargo que deseja ocupar no futuro], poder me formar e aprender junto com sua equipe seria um grande sonho e um enorme desafio profissional para mim.

Ao longo de minhas poucas experiências profissionais, consegui realizar estágios em [Cargos ocupados durante os estágios] e desenvolvi diferentes trabalhos extracurriculares em [Nome dos trabalhos extracurriculares que desenvolveu], os quais contribuíram para que eu trabalhasse o que aprendi em meus estudos e reafirmaram minha vontade de crescer neste setor que tanto me interessa.

Graças as minhas viagens, à prática de esportes e à colaboração com associações, pude ver igualmente a importância de trabalhar em equipe e o significado de aprender com as outras pessoas para me aprimorar como profissional. Por isso, gostaria de receber a oportunidade de ter minha primeira experiência profissional dentro de [Empresa à qual está se candidatando] como [Cargo ao qual está se candidatando], para aprender junto com uma equipe que tem valores, muita energia e grandes projetos.

Espero ter o prazer de me encontrar com vocês em una entrevista, a fim de poder demonstrar que, apesar da minha pouca experiência, minha energia e minhas habilidades podem ser úteis para qualquer trabalho que venha a surgir dentro do departamento de [Departamento ao qual está se candidatando].

Muito obrigado(a) por sua atenção.

Estou a sua inteira disposição.

Cordialmente,

[Seu Nome e Sobrenome]

No momento de redigir essa carta de motivação para primeiro emprego, é importante: ter claro a empresa para qual você está se candidatando e avaliar quais são os pontos fortes que quer destacar e as atividades extras realizadas (associações, congressos, atividades extracurriculares…). No seu caso, essas informações serão os aspectos que irão ajudar a valorizar sua candidatura.

Essa é a oportunidade que a empresa tem de conhecer, em primeira mão, como é o seu trabalho, o que gosta de fazer e quais são suas habilidades, para saber se você é o candidato ideal para determinada vaga.

Baixe nosso modelo de Currículo para primeiro emprego em Word gratuito para realizar sua candidatura e ter o máximo de chances de sucesso.

Como procurar emprego quando se tem pouca experiência

Procure ofertas de trabalho que não exijam muitos anos de experiência e conhecimentos. Geralmente, as empresas deixam isso claro nesses anúncios.

Planeje sua lista de possíveis ofertas de emprego, levando isso em conta. Da mesma forma, você pode se informar sobre os conhecimentos exigidos dos profissionais de hierarquia superior e que ocuparão cargos de maior responsabilidade. Assim, será possível se preparar nessas áreas simultaneamente.

Nenhuma situação que possa aparecer será fora do comum. Basta confiar em seus conhecimentos adquiridos, aproveitá-los ao máximo e ter coragem de escrever uma carta de apresentação para primeiro emprego.

Como enfrentar a falta de experiência?

Sem sombra de dúvida, a falta de experiência profissional é um ponto fraco, que você deve enfrentar fortalecendo outros pontos em sua formação acadêmica para, enfim, conseguir ter uma posição melhor diante do empregador.

Por este motivo, é importante ter claro em quais áreas você se desempenha melhor. Da mesma forma, destaque que sua juventude pode ser o ponto de partida de uma carreira profissional de sucesso, a partir da qual a empresa obterá grandes lucros gerados por você ao longo dos seus anos de crescimento profissional.

Nessa mesma linha de raciocínio, na carta de apresentação para primeiro emprego, você deve demonstrar sua capacidade de adquirir novos conhecimentos e aprender novos processos por meio de formação e especialização. É importante que o documento mostre seu interesse de participar dos projetos da empresa.

Carta de apresentação para primeiro emprego X propostas inovadoras

Por outro lado, tente sempre usar um vocabulário adequado a sua profissão, atualizado e com foco nas novas tendências relacionadas a sua área de desenvolvimento profissional.

Questione sobre os possíveis pontos fracos presentes nos processos da empresa, com o objetivo de apresentar melhorias que, para você, sejam viáveis e alcançáveis.

Levando em conta o que foi descrito nos parágrafos anteriores, você pode conseguir redigir uma excelente carta de apresentação para primeiro emprego e se candidatar a qualquer emprego. Lembre-se de que suas qualidades, habilidades e conhecimentos têm grande valor.

Não se esqueça de demonstrar entusiasmo e ter a motivação necessária para estar à altura das exigências empresariais, as quais, em resumo, serão refletidas como um progresso substancial de suas capacidades e, consequentemente, fortalecerão sua competitividade profissional.